Leitura

Os 125 livros que fizeram a cabeça de Olavo de Carvalho

Robson Cristian
Escrito por Robson Cristian em 21 de maio de 2021
Os 125 livros que fizeram a cabeça de Olavo de Carvalho
Junte-se aos olavetes

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos com prioridade

Numa versão antiga de seu site, o professor Olavo de Carvalho publicou uma lista dos livros que fizeram sua cabeça. Segundo ele, são obras que não se pautam pela importância história, mas sim pelo valor estratégico do ponto de vista do sentido da vida.

Como o Olavo disse:

“Ela só quer ter utilidade para você, meu amigo, minha amiga, que, como eu, não têm outra ambição senão a de educar-se a si mesmos e chegar a compreender alguma coisa. Vocês, que não têm nenhum projeto de mundo, são no entanto a única esperança do mundo – de um mundo que vai sufocando sob a mão de ferro dos que se julgam habilitados a moldá-lo à sua imagem e semelhança.”

Sem mais, aproveite a lista!

Santo Agostinho

Aristóteles

  • Metafísica
  • Física
  • Da Alma
  • Ética a Nicômaco
  • Política

Nikolai Berdiaev

  • Cinco Meditações sobre a Existência
  • Espírito e Realidade
  • Ensaio de Autobiografia Espiritual

Georges Bernanos

  • Diário de um Pároco de Aldeia
  • A Impostura
  • O Grande Medo dos Bem-Pensantes
  • Os Grandes Cemitérios sob a Lua
  • Liberdade para quê?

William Blake

  • O Casamento do Céu e do Inferno
  • O Livro de Jó

Léon Bloy

  • Exegese dos Lugares-Comuns
  • O Desesperado
  • Meu Diário

Eugen von Böhm-Bawerk

Luiz Vaz de Camões

  • Os Lusíadas
  • Lírica

Otto Maria Carpeaux

  • História da Literatura Ocidental
  • Ensaios Reunidos

Gilbert K. Chesterton

  • Ortodoxia
  • Hereges

Clemente de Alexandria

  • O Pedagogo
  • Tapeçarias

Samuel Taylor Coleridge

Joseph Conrad

  • Nostromo
  • A Chance
  • O Agente Secreto
  • Lorde Jim

Ananda K. Coomaraswamy

  • A Farsa da Alfabetização
  • A Doutrina do Sacrifício
  • Tempo e Eternidade

Dante Alighieri

  • A Divina Comédia

Joseph de Maistre

  • Noitadas de S. Petersburgo
  • Considerações sobre a França

Fiódor Dostoiévski

  • Crime e Castigo
  • Os Demônios
  • Os Irmãos Karamazóv

Friedrich Dürrenmatt

  • A Promessa

Julius Evola

  • A Tradição Hermética

Mário Ferreira dos Santos

  • Filosofia Concreta
  • A Sabedoria dos Princípios
  • Pitágoras e o Tema do Número

Viktor Frankl

  • Em busca de Sentido

Gilberto Freyre

  • Casa Grande & Senzala

Northrop Frye

  • Anatomia da Crítica
  • O Grande Código

René Girard

  • A Violência e o Sagrado
  • O Bode Expiatório
  • Coisas Ocultas desde a Fundação do Mundo

René Guénon

  • O Reino da Quantidade e os Sinais dos Tempos
  • O Homem e seu Devir segundo o Vedanta
  • O Simbolismo da Cruz

Johan Huizinga

  • O Outono da Idade Média
  • Nas Sombras do Amanhã

Edmund Husserl

  • Idéias para uma Fenomenologia Pura
  • Lógica Formal e Lógica Transcendental
  • A Crise das Ciências Européias

Muhyi-d-din Ibn ‘Arabi

Paul Johnson

  • Intelectuais
  • Tempos Modernos

Russel Kirk

  • Conferências na Heritage Foundation

Gottfried Wilhelm von Leibniz

Machado de Assis

Antonio Machado

Thomas Mann

Alessandro Manzoni

Julián Mariás

  • Antropologia Metafísica

Henry Montaigu

  • A Coroa de Fogo

Malcolm Muggeridge

  • Memórias

John Henry Newman

José Ortega y Gasset

São Paulo Apóstolo

  • Epístolas

Igino Petrone

  • O Direito no Mundo do Espírito

Platão

Jean Racine

Miguel Reale

Eugen Rosenstock-Huessy

  • Revoluções Européias

Franz Rosenzweig

Max Scheler

  • O Formalismo na Ética e a Ética Material dos Valores
  • As Formas do Saber e a Cultura

Friedrich Wilhelm Joseph Schelling

  • Filosofia da Natureza
  • Filosofia da Mitologia
  • Filosofia da Revelação

William Shakespeare

Sri Shankaracharya

Georges Simenon

Vladimir Soloviev

  • Crise da Filosofia Ocidental
  • O Sentido do Amor

Stendhal

Léopoldo Szondi (Lipót Szondi)

  • A Análise do Destino

Tertuliano

São Tomás de Aquino

Eric Voegelin

Ludwig Von Mises

Jacob Wassermann

Max Weber

Éric Weil

William Butler Yeats

Xavier Zubiri

Você gostou desse artigo?

Entre para o Clube Olavete por apenas 10 reais por mês e ajude a manter o nosso projeto online. Você terá aulas sobre livros importantes de política, literatura e filosofia, além de cursos de técnicas de leitura e publicação de livros.

Conheça também o Olavete Play.

Hey, olavete!

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Replies to “Os 125 livros que fizeram a cabeça de Olavo de Carvalho”

Max Felizardo

Essa lista está em sequência de leitura?

Silva

olavo dizia que a ordem está na cabeça e não na lista de leitura